Prefeito de Campinas garantiu que não implantaria o Passaporte Sanitário

Em vídeo com o Vereador Nelson Hossri, Dario Saadi, prefeito de Campinas, garantiu que não implantaria o passaporte sanitário na cidade.

Este vídeo foi gravado em 25 de agosto deste ano, portanto 70 dias antes do prefeito decretar a obrigatoriedade de certificado de vacinação para eventos culturais, esportivos e de lazer. Confira.

No dia 3 de novembro Dario Saadi soltou o Decreto 21.753, em que se lê:

Art. 3º Fica autorizada a realização de atividades e eventos de entretenimento, culturais, esportivos e de lazer, com público sentado ou em pé, com 100% de ocupação do estabelecimento, conforme a Resolução SS nº 151, de 06 de outubro de 2021, devendo respeitar as seguintes regras:


I – comprovação de esquema vacinal completo, ou, uma dose de vacina e teste negativo
para Covid-19 do tipo PCR
, realizado até 48 horas antes do ingresso no estabelecimento, ou
do tipo antígeno, realizado até 24 horas antes do ingresso no estabelecimento;

Manifestantes se reunirão hoje às 15h em frente à Prefeitura para protestar contra a medida de segregação implantada por Dario Saadi. Às 17h seguirão para a Câmara Municipal para levar a demanda aos vereadores da cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *